Em espaços pequenos faz sentido colocar as secretárias viradas para a parede e, se a parede estiver “bem tratada” com objetos bonitos, imagens inspiradoras, quadros ou calendários, o que for que nos faça sentir bem, é a melhor solução para optimizar o espaço e dissimular cabos. Só que em espaços muito amplos, como é o caso no nosso novo atelier, trabalhar virados para a parede, com tudo a acontecer nas nossas costas, não me pareceu plausível e foi condição desde logo imposta – a secretária teria que ficar virada para o centro da sala. No entanto, esta opção tem o problema de expôr, a quem entra, toda uma parafernália de cabos e cabinhos imprescindíveis numa mesa de trabalho… ele é o do servidor, o do scanner, os dos discos (1, 2 e 3), dos computadores, da impressora, da extensão… fora aqueles que vão aparecendo em cima da mesa: o do telemóvel, o da máquina fotográfica, carregadores de bateria…

Foi a primeira vez que fizemos uns gavetões assim. Ou melhor, foi a primeira vez que fizemos gavetões. 😀
Não fosse o projeto do hostel para o qual criámos alguns objetos e mobiliário por forma a responder às necessidades dos viajantes e, se calhar, nunca nos teríamos lembrado de umas peças como estas… tão giras e tão práticas! Excelentes para quem tem pouco espaço e precisa de uma solução de organização aproveitando o espaço debaixo da cama.  No quarto de hóspedes e no quarto da Cá temos camas com gavetões, mas devo dizer que estes que fizemos, com tampa, são bem melhores pois, aqui, ao contrário das gavetas da cama, o pó não entra.

Para quem não teve oportunidade de frequentar o último workshop de Organização, no dia 15 de abril entre as 15h e as 18h, lá estarei, no Homy Pop Market, no Mercado de Cascais, para mais uma partilha de tudo o que tenho vindo a aprender (e a aplicar!) nos últimos anos acerca deste tema.
Neste workshop, vamos falar da importância de ‘destralhar’, vamos partilhar estratégias para organizar a casa, ideias de arrumação que nos ajudam a mantê-la organizada e conhecer algumas soluções que facilitam o nosso dia-a-dia.

“É desta que vou arrumar a minha vida e tornar a nossa casa e atelier locais de serenidade e inspiração!”
Assim começava este blog, no dia 3 de janeiro de 2016. E assim tem sido desde esse dia: arranjamos, construímos, melhoramos, substituímos, destralhamos e organizamos. Destralhar foi mesmo a palavra de ordem de 2017. E o que nós destralhámos… e continuamos a fazê-lo! Algumas divisões da nossa casa estão muito mais bonitas, arrumadas, serenas e inspiradoras. Outras, para lá caminham. O atelier teve algumas melhorias mas precisa de uma grande volta! Aliás, aproveito para partilhar que gostávamos muito que O PROJETO de 2018 fosse a remodelação completa do atelier. Ia ser o máximo! Temos milhões de ideias para este espaço… mas precisamos de parcerias… e isso é que é mais difícil de conseguir. Já contactámos algumas das nossas marcas favoritas mas não será fácil conseguir um conjunto que faça deste um projeto mesmo especial e interessante para quem nos segue. Por isso, enquanto isso, só podemos ir tentando a nossa sorte! Se vos interessar ajudar, basta partilharem a nossa página nas redes sociais, arranjar-nos mais seguidores, comentar bastante os nossos artigos, aqui, no facebook e no Instagram.